Pau pra toda obra

Os guias dos búfalos são Nelson e Arigó, morenos queimados, conversa franca, sorriso fácil. Contam das dificuldades do trabalho. Fazem de tudo na fazenda: guiam búfalo, cortam coco, trabalham na roça – paus para toda obra. Contam o valor da diária. Me assusto. “Vinte reais não dá para nada!”. Escuto que em “terra sem emprego, vinte reais pode ser a diferença entre comer ou passar fome”. Fico quieto e olho a natureza.

IMG_1236

Este post faz parte das Impressões Integrais 90

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s