O dia que o Deus da Natureza chorou e “molhou tudo lá embaixo”

Hoje ouvi uma história que não consegui dizer se era real ou invenção de quem contou. Tanto em um quanto em outro caso, ela se torna tão pertinente que não posso deixar de partilhar com vocês.

Minha esposa está dando aula para indígenas que fazem parte do curso de graduação específico para eles, que acontece na Universidade Federal de Roraima. As aulas são ligadas a questão alimentar. Durante uma aula de Segurança Alimentar discutiam a questão da preservação da natureza quando um dos alunos, que é professor em aldeia, contou o que aconteceu na semana passada quando conversava com uma criança que havia visto a calamidade do Rio na televisão.

– Professor, já sei porque a chuva matou tanta gente lá no Rio de Janeiro.
– Porque – perguntou ele?
– Porque a Natureza foi falar com o Deus da Natureza e contou o que estava acontecendo com ela, como estava sendo maltratada. Disse que os morros são sagrados e não poderia haver tanta gente morando naquele lugar. Isto deveria ser respeitado pelos homens.

O Deus da Natureza ficou triste e começou a chorar. Mas ficou tão triste que chorou muito e suas lágrimas desceram com muita força derrubando tudo e enchendo os rios lá embaixo.

Uma pequena curumim já conseguiu entender… nós talvez também já tenhamos entendido… Mas quando será que agiremos?

casasaquaticas

O rio Branco quando sobe alaga muitas casas e a cena é esta… apenas os telhados de fora… Calamidade como no Rio de Janeiro

Anúncios

2 opiniões sobre “O dia que o Deus da Natureza chorou e “molhou tudo lá embaixo””

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s